16/05/2021

BEC VENCE CLÁSSICO REGIONAL DIANTE DO OLÍMPIA E SE CONSOLIDA NA BRIGA POR UMA DAS VAGAS DO G8

BEC VENCE CLÁSSICO REGIONAL DIANTE DO OLÍMPIA E SE CONSOLIDA NA BRIGA POR UMA DAS VAGAS DO G8

BEC VENCE CLÁSSICO REGIONAL DIANTE DO OLÍMPIA E SE CONSOLIDA NA BRIGA POR UMA DAS VAGAS DO G8

Na tarde noite deste sábado 15/05 o Barretos venceu o Olímpia no clássico regional por 3 a 1, no estádio Fortaleza, pela 11ª rodada da Série A3 do Campeonato Paulista, com um a menos desde o segundo minuto da etapa final, o Touro do Vale não tomou conhecimento do rival, que briga contra o rebaixamento, e venceu clássico na base da superação.

Os 45 minutos iniciais foi de pouco futebol e sem grandes oportunidades para ambas as equipes, ficando assim um primeiro tempo sonolento.

Para a segunda etapa as equipes voltaram com outra energia dos vestiários, logo de cara aos dois minutos o Olímpia chegou com Kaiki, ficando no um contra um com o lateral barretense Rodrigo Biro que por sua vez se viu mano a mano com o atacante, birô acabou matando o lance claríssimo do Olímpia acabou dando um carrinho cometendo a falta e foi expulso direto por se o último homem.

A partir de então, ao contrário do que se imaginava, o Barretos melhorou na partida e conseguiu sair mais para o ataque, Três minutos depois, ao cinco, Patrick Allan, um dos principais nomes da partida, cobrou falta na área no segundo pau o zagueiro Alemão subiu para cabecear firme e abrir o placar para o touro.

Aos 25 minutos, Maranhão foi derrubado na área e sofreu pênalti, Batata bateu firme, no canto direito, abrindo 2 x 0 para o BEC. Aos 35 minutos, o Galo Azul levantou uma falta na área, Matheus afastou com as mãos e Wilson pegou com espaço um belo chute rasteiro de fora da área para diminuir. Mas o ânimo para a reação do Olímpia pouco durou, pois aos 42 minutos Patrick Allan fez grande jogada pelo fundo e foi desarmado, mas o defensor rolou mal a bola para o meio da área, onde estava Maranhão, que encheu o pé direito e fechou o placar.

 

FICHA TÉCNICA

 

BARRETOS

Matheus Grigio;
Matheus, Alemão, Carioca e Rodrigo Biro;
Pedrinho, Patrick Araújo (Luís Fernando) e Patrick Allan;
Maranhão, Junnior Batata (Daniel) e Cristiano (Samuel Japonês) (Ataliba).

TÉCNICO: Bira Arruda

 

OLÍMPIA

Flaysmar;
Veloso (Euller), Lucas Mingotti (Nicolas), Luiz Henrique e Giovani;
Flávio, Albert, Wilker (Jorginho) e Felipinho;
Wilson e Kaiki.

TÉCNICO: Marcelo Dias